domingo, 2 de janeiro de 2011

MORÉIAS












CARACTERÍSTICAS

As moréias são peixes teleósteos, angüiliformes, da família dos murenídeos (Muraenidae), tendo como uma des suas principais características o corpo longo e cilíndrico. Existem mais de 200 espécies de moréias agrupadas dentro de 15 gêneros, sendo que a maior alcança 4 metros de comprimento, e mais coloridas são as dos recifes de coral. Gostam de água quentes, são resistentes e não sensíveis a doenças

ESTRUTURA


Apresentam uma aparência que lembra uma cobra, mas fazem parte do grupo das enguias. Não possuem escamas, sendo que para sua proteção algumas espécies secretam da pele um muco composto por toxinas. A maioria não apresenta barbatanas peitorais e pélvicas, mas possuem uma nadadeira ímpar, formada por três raios moles e articulados, que se inicia no dorso e termina no ânus, passando pela extremidade da cauda. A sua pele é composta por padrões de cores que servem como camuflagem.
Os peixes dessa ordem são ótimos nadadores. Nadam ondulando o corpo, mas também rastejam e enterram-se na areia na areia.

HABITAT


Habitam águas tropicais e subtropicais do Atlântico, sendo encontrada em toda a costa brasileira.
REPRODUÇÃO Os alevinos das moréias apresentam uma curiosidade: no momento da eclosão e na fase crítica da vida, exibem um aspecto de folha vegetal transparente, denominada leptocéfalo.

HÁBITOS

A moréia vive sózinha e tem hábitos noturnos. Quando cai a noite, parte em busca de suas presas favoritas (crustáceos, peixes, polvos). Durante o dia fica escondida dentro de um b
uraco nos recifes ou debaixo das rochas, com a cabeça para fora e com a boca aberta. Assim seus dentes afiados ficam bem visíveis, o que lhe dá este aspecto assustador, espantando os outros animais, com exceção de um peixe (peixe-limpador), de aproximadamente 10 cm de comprimento, que possui uma relação de simbiose com a moréia. Este pequeno animal limpa sua pele e remove pedaços de alimentos presos em seus afiados dentes. Ela pode causar ferimentos graves nos mergulhadores se for incomodada ou se confundir seus dedos com os tentáculos do polvo. Felizmente a moréia não é agressiva - é até um pouco tímida- e esse tipo de acidente é raro.


ALIMENTAÇÃO
As moréias tem uma alimentação essencialmente carnívora, devorando peixes pequenos que venham a passar perto de sua toca, além de crustáceos, moluscos e alguns invertebrados.


As moréias não são agressivas, pelo contrário, são animais tímidos, mas acidentes envolvendo
mergulhadores podem acontecer caso esse peixe confunda o dedo de um humano com o tentáculo de polvo. Sua mordida causa acidentes graves, sendo que algumas espécies possuem veneno, que inoculam ao morder.


ALGUMAS ESPÉCIES DE MORÉIA
Myrichthys colubrinus
é uma moreia do Indo-Pacífico. Ela ocasionalmente faz o seu caminho
para o comércio do aquário. Ela cresce para um tamanho de 97 centímetros de comprimento

Barred moray

O
Barred moray (Echidna polyzona), é uma moréia da família Muraenidae, encontrado no Indo-Pacífico oceanos em profundidades até 10 m. Seu comprimento é de até 70 cm.

Echidna catenata A Echidna catenata é uma moreia do Atlântico ocidental. Ela ocasionalmente faz o seu caminho para o comércio do aquário. Ela cresce para um tamanho de 165 centímetros de comprimento.
moreia-leopardo ou moréia-dragão
A moreia-leopardo ou moréia-dragão, Enchelycore pardalis, é uma moreia da família Muraenidae, encontrada no oceano Indo-Pacífico da Reunião para o havaiano. Gymnothorax melatremus Gymnothorax melatremus é uma moreia do Indo-Pacífico. Ele ocasionalmente faz o seu caminho para o comércio do aquário. Ele cresce para um tamanho de 26 centímetros de comprimento. Gymnothorax miliaris Gymnothorax miliaris, é uma moreia do Atlântico ocidental. Ela ocasionalmente faz o seu caminho para o comércio do aquário. Ela cresce para um tamanho de 70 centímetros de comprimento.


moréia verde, Gymnothorax funebris

A moréia verde, Gymnothorax funebris, é uma moreia da família Muraenidae, encontrado no Atlântico ocidental desde Nova Jersey, Bermudas, e norte do Golfo do México ao Brasil, em profundidades até 40 m. Seu comprimento é de até 2,5 m.

Muraena lentiginosa

é uma moreia do Pacífico Oriental. Ela ocasionalmente faz o seu caminho para o comércio do aquário. Ela cresce para um tamanho de 61 cm de comprimento. O tamanho do tanque mínimo para Jeweled Moray Eels é de 50 litros. Dois não devem ser mantidos no mesmo tanque a menos que o tanque é de 120 litros. Ambas as enguias deve ser introduzido no tanque, ao mesmo tempo

Kidako moray, Gymnothorax kidako
A Kidako moray, Gymnothorax kidako, é um tipo de moréia nativa do noroeste do Oceano Pacífico, o Japão especificamente as regiões do oceano em torno de Taiwan, partes das Filipinas, e no sul

Gymnothorax pictus


Echidna nebulosa
Echidna nebulosa, é uma moréia da família Muraenidae, encontrada no oceano Indo-Pacífico e em toda a Micronésia. Também encontrado no leste do Pacífico e centro-sul da Baixa Califórnia, México e da Costa Rica ao norte da Colômbia, em profundidades de entre 2 e 30 metros. Seu comprimento é de até um metro.

Moreia-pintada (Gymnothorax favagineus)
A Moreia-pintada (Gymnothorax favagineus), também conhecido como a moréia-favo-de-mel,




Moréia-zebra, Gymnomuraena zebra
A Moréia-zebra, Gymnomuraena zebra , é uma espécie de moréia, o único membro do gênero. É encontrada em recifes do Indo-Pacífico, e no Pacífico leste do sul de Baja Califórnia, México ao norte da Colômbia, incluindo as Ilhas Galápagos

Postagens populares

VÍDEOS SOBRE O MAR

Loading...

National Geographic POD

Loading...

Google+ Followers

Google+ Badge